A reabertura do parque depende da autorização do Governo de Santa Catarina para o funcionamento das atrações turísticas/Foto: Divulgação Internet
A reabertura do parque depende da autorização do Governo de Santa Catarina para o funcionamento das atrações turísticas/Foto: Divulgação Internet

Deputado Naatz pede a reabertura do Parque Beto Carrero com medidas de controle

O maior empreendimento turístico de Santa Catarina, está com o funcionamento suspenso desde março

O deputado estadual Ivan Naatz, líder da bancada do PL e presidente da Comissão de Turismo e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, entrou com pedido de indicação no parlamento nesta sexta-feira (29) solicitando ao governo do Estado agilizar a realização de estudo técnico, afim de viabilizar o retorno controlado das atividades do Parque Beto Carrero World, o maior parque temático da América Latina e maior empreendimento turístico de Santa Catarina,com funcionamento suspenso desde março último em razão da pandemia provocada pelo coronavírus.

A reabertura do parque depende da autorização do Governo de Santa Catarina para o funcionamento das atrações turísticas – o que, por enquanto, não tem data para ocorrer, mas o deputado enfatiza que a direção do empreendimento já apresentou aos órgãos competentes um plano de retomada com medidas de biossegurança para reabrir a visitação aos turistas de forma controlada para evitar aglomerações .

“O retorno das atividades, com as medidas preventivas necessárias, é questão de urgência devido a sua importância econômica para o município de Penha, onde o parque esta instalado, já que a cidade conta com cerca de 700 hotéis-pousadas e outros meios de hospedagem, além do comércio e serviços que dependem exclusivamente do fluxo de turistas no parque “, justifica Ivan Naatz . O deputado acrescenta ainda que muitos empresários do setor foram obrigados a fechar as portas em definitivo ou a demitir funcionários em razão da paralisação das atividades do Beto Carrero World.

MEDIDAS – Além do controle de público limitado a 50% da capacidade para evitar aglomerações, outra medida de controle previstas pela direção do parque são a suspensão de parte dos shows e das atrações que ocorrem em espaço fechado, o lançamento de aplicativo de “fila virtual”, aferição de temperatura em todos os visitantes, implantação de  um túnel de desinfecção, com pulverização de ozônio, escovação das ruas do parque com hipoclorito de sódio e desinfecção dos brinquedos a cada volta. Na Serra Gaúcha, desde a semana passada, parques temáticos como o Alpen Parque, de Canela, já retomaram atividades controladas de visitação dos turistas.

Compartilhe esta postagem

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Notícias Relacionadas

Faça uma pesquisa​​

Ultimas notícias