Por: conteudo conteudo | 12/04/2018

A Avenida XV de Novembro – na área central de Capinzal – foi a localização de um assalto nesta quinta-feira, dia 12. A vítima foi Aline Henn, sócia-proprietária da Lotérica Capinzal. Ela foi obrigada a entregar um malote de dinheiro à um dos assaltantes – que levava uma faca – enquanto o outro dava cobertura nos arredores do Banco do Brasil.

Um dos suspeitos já foi detido pela polícia militar, com auxílio de um orientador de trânsito que imobilizou o assaltante perto do Hospital Nossa Senhora das Dores. Vítima e assaltante foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil, Aline não apresentava ferimentos e trouxe consigo uma faca, a que o autor do crime havia se desfeito no caminho.

A Polícia Civil e a Agência de Inteligência da Polícia Militar (P2) receberam informações que lhe permitiram encontrar M.P. – suspeito co-autor do crime – que estava em um Renault Sandero – com placas de Blumenal – com a namorada J.C. do P. Ela foi liberada – não podendo ser comprovada sua participação.

R.S., o primeiro suspeito detido, afirmou que M.P. o forçou a realizar o crime – apontando um revólver em sua cabeça e o ameaçando de morte caso não participasse – no entanto o delegado Roberto Carpeggiani Moreira revelou que não ocorreu coação e que a dupla – residente em Capinzal – já possui diversas passagens policiais. R.S. e M.P. foram encaminhados ao Presídio Regional de Joaçaba após sua prisão em flagrante.

 

Editado por Bom Dia SC, com informações da radiocapinzal.com.br