Duas décadas depois de instalada, a comarca de Herval d'Oeste terá uma sede própria
Duas décadas depois de instalada, a comarca de Herval d'Oeste terá uma sede própria

Comarca de Herval d’Oeste terá novo Fórum, já em obras, no prazo de dois anos

Duas décadas depois de instalada, a comarca de Herval d’Oeste terá uma sede própria. Os trabalhos já estão em curso, após a assinatura da ordem de serviço para início da obra de construção no último mês de julho. Em dois anos, conforme a previsão do Diretoria de Engenharia e Arquitetura do Poder Judiciário catarinense, a população local e da vizinha Erval Velho contará com um espaço de qualidade, seguro, funcional, flexível e com soluções sustentáveis

O Município foi doador do terreno, na rua Nereu Ramos, onde será construída uma área de mais de três mil metros quadrados, espaço preparado para implantação de duas varas com espaços exclusivos para ao Ministério Público e OAB-SC, além de estacionamento para 34 vagas, 18 delas públicas. O diretor de engenharia e arquitetura, Everton William Tischer explica que há a possibilidade de expandir para mais duas unidades no mesmo terreno.

O prédio terá a parte térrea e quatro pavimentos com atendimento integral às normas de acessibilidade e de combate a incêndio. “Teremos instalações prediais com reuso de água das chuvas e sistemas prediais de baixo consumo de energia para iluminação e condicionamento de ar, por exemplo, em atenção aos quesitos de acessibilidade e sustentabilidade do TJSC.”

O projeto arquitetônico do novo Fórum, concebido pelo arquiteto João Marcos Corrêa, também dos quadros da Diretoria de Engenharia e Arquitetura, foi desenvolvido para facilitar a modulação e flexibilidade dos espaços internos, com paredes de gesso acartonado capazes de facilitar futuras alterações dos ambientes. “Arquitetonicamente buscou-se uma linguagem contemporânea quanto à composição dos volumes e criação de uma edificação eficiente, com a incorporação de sistemas e tecnologias para proporcionar o maior conforto aos usuários, e melhor adequada às atuais demandas da Justiça de Santa Catarina.” conclui Everton.

Fonte:  NCI/TJSC – Serra e Meio-Oeste 

Click na Home e escolha o idioma para sua leitura….
https://bomdiasc.com.br
@bomdiasantacatarina

Compartilhe esta postagem

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Notícias Relacionadas

Faça uma pesquisa​​

Ultimas notícias