O autor do Projeto de Lei 13.999/2020, que institui o Pronampe, senador Jorginho Mello (PL-SC), comemora o bom desempenho da iniciativa e destaca a sensibilidade do Governo Federal às necessidades do programa/Foto: Assessoria
O autor do Projeto de Lei 13.999/2020, que institui o Pronampe, senador Jorginho Mello (PL-SC), comemora o bom desempenho da iniciativa e destaca a sensibilidade do Governo Federal às necessidades do programa/Foto: Assessoria

Governo estuda ampliar crédito pelo Pronampe devido à alta procura

Segundo o ’emprestômetro’, programa de autoria do senador Jorginho Mello viabilizou R$ 3,3 bilhões

O chefe da Secretaria de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, Carlos da Costa, afirmou nesta terça-feira que a pasta já estuda a ampliação do Fundo Garantidor de Operações, de R$ 15 bilhões, do Tesouro Nacional, para ampliar e garantir a operação do Programa Nacional de Apoio as Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe).

A possibilidade de aumentar o volume de recursos surgiu depois que foram viabilizados R$ 3,3 bilhões em crédito pelo programa em pouco menos um mês desde que começou a rodar, sendo que dois terços deste montante foram desembolsados apenas nesta segunda-feira (06).

Ainda conforme a secretaria, a procura pela linha de crédito está sendo muito alta e agora que o programa chegou na ponta, a tendência é de que cada vez mais esses números aumentem. O Pronampe já é o programa do Governo Federal que mais disponibilizou recursos desde que pandemia de Covid-19 começou.

O autor do Projeto de Lei 13.999/2020, que institui o Pronampe, senador Jorginho Mello (PL-SC), comemora o bom desempenho da iniciativa e destaca a sensibilidade do Governo Federal às necessidades do programa.

– Essa é uma excelente notícia. Nós sabemos que não conseguiremos salvar todas as micro e pequenas empresas, mas estamos fazendo uma verdadeira operação de guerra para viabilizar o crédito para essa categoria que é quem garante a grande fatia dos empregos no país e salvar o maior número de empresas possível. Os números provam que o Pronampe, sancionado pelo Presidente Bolsonaro, é um sucesso. Ele mesmo foi quem deu apoio firme para que isso se concretizasse – afirmou.

Banco do Brasil emprestou quase de R$ 2 bilhões em um só dia

Após demora para viabilizar o crédito pelo Pronampe, o Banco do Brasil mostrou que está alinhado com o projeto para conceder os recursos às micro e pequenas empresas. Apenas nesta segunda-feira, a instituição desembolsou R$ 1.882.010.124,43.

Os dados são do próprio Ministério da Economia, disponibilizados através do Emprestômetro, plataforma criada pela pasta para dar maior transparência ao Pronampe.

Conforme o Emprestômetro, o Banco do Brasil já atendeu mais de 32 mil contratos de empréstimo. Além do BB, a Caixa Econômica Federal firmou outros 20 mil contratos e anunciou na semana passada que não cobrará mais taxas de abertura de crédito e nem seguros prestamistas. A Caixa já desembolsou cerca de R$ 1,5 bolhões.


Fonte: Assessoria de Imprensa Senador Jorginho Mello

Compartilhe esta postagem

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Notícias Relacionadas

Faça uma pesquisa​​

Ultimas notícias