A Conferência Municipal de Saúde acontece a cada quatro anos/Foto: Assessoria de Imprensa
A Conferência Municipal de Saúde acontece a cada quatro anos/Foto: Assessoria de Imprensa

5ª Conferência Municipal de Saúde de Joaçaba reúne aproximadamente 300 pessoas

6 propostas serão encaminhadas para a Conferência Estadual

Aconteceu nesta quarta-feira (20), no Auditório Afonso Dresch da Unoesc, a 5ª Conferência Municipal de Saúde de Joaçaba.  Participaram do evento, que tinha como tema a “Democracia e Saúde”, aproximadamente 300 pessoas, entre elas, o prefeito Dioclésio Ragnini, o Diretor do Hust, Alciomar Marin, o Secretário de Saúde, Celso Brancher, vereadores, membros do Conselho Municipal de Saúde, prestadores, servidores e a comunidade geral.

Na oportunidade, os presentes prestigiaram a palestra Magna: “Democracia e Saúde”, ministrada pelo Dr. Celso Luiz Dellagiustina. Na sequência, os participantes foram divididos em seis grupos, onde foram debatidos os três eixos temáticos: Saúde como direito; Consolidação dos princípios do Sistema Único de Saúde (SUS) e Financiamento adequado e suficiente para o SUS, sendo elencadas as propostas de nível municipal, estadual e nacional, bem como, as 6 propostas que serão encaminhadas para a Conferência Estadual.

De acordo com a presidente do Conselho Municipal de Saúde, Mariana Zopeletto, o evento atingiu seu objetivo, que era analisar as prioridades locais de saúde e formular propostas no âmbito dos Municípios, dos Estados e da União ao tema e aos eixos temáticos. “Acredito que esse seja efetivamente o caminho para construirmos políticas públicas de saúde que atendam às necessidades da população, melhorando a qualidade dos serviços prestados e otimizando o tempo de espera. Tenho certeza que batalhando juntos podemos ter grandes evoluções, construindo e defendendo um SUS mais acessível à população e com a garantia de que seus princípios são atendidos na totalidade", falou Mariana.

A Conferência Municipal de Saúde acontece a cada quatro anos e reúne segmentos representativos da sociedade (população em geral, profissionais de saúde, gestores e prestadores), para debater a situação de saúde e propor diretrizes para a formulação de políticas de saúde, garantindo o cumprimento da Lei 8142/90 que dispõe sobre a participação da comunidade na gestão do Sistema Único de Saúde (SUS).

Ao final do evento, também foram eleitos os delegados que irão participar da etapa estadual, que acontece nos dias 4, 5 e 6 de junho, em Florianópolis.

Fonte: ASCOM – Joaçaba

Compartilhe esta postagem

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Notícias Relacionadas

Faça uma pesquisa​​

Ultimas notícias