O atual cenário de mercado para carne de aves e ovos é delicado/Foto: Internet
O atual cenário de mercado para carne de aves e ovos é delicado/Foto: Internet

Mercado de aves enfrenta desafios com os preços dos grãos em alta

A avicultura de corte do Rio Grande do Sul exportou próximo de 618 mil toneladas de carne de frango entre janeiro e novembro deste ano, com crescimento de 18,6% comparado com volumes exportados no mesmo período do ano anterior. Em receita as exportações avícolas gaúchas atingiram um faturamento de US$ 834,8 milhões, registrando um crescimento de 2,9% também sobre igual período de 2019.

No comparativo de novembro deste ano com novembro do ano passado, as exportações de carne de aves pelo Estado registraram aumento de 7,5% em volumes, ou seja, 58 mil toneladas exportadas este ano contra 54 toneladas no ano passado e recuo de -7,7% em receita comparando novembro deste ano com mesmo mês do ano anterior.

As exportações de carne de frango e industrializados do RS no montante apurado neste ano em volumes e receitas, é ainda resultado de recuperação do desempenho de anos anteriores, precisamos continuar evoluindo para garantir competitividade”, ressalta Eduardo Santos, presidente executivo da Associação Gaúcha de Avicultura (Asgav).

Na análise da Asgav, o comportamento das exportações gaúchas de carne de frango no período de janeiro à novembro deste ano continua revelando recuperação das perdas de 2019, porém com os efeitos da pandemia, cotações de grãos e outros entraves, o setor mantém estado de alerta no controle da produção, tanto de carnes quanto de ovos. No setor de ovos a situação também remete para a necessidade de revisão do plano de produção para atenuar os impactos do alto custo de produção.

O atual cenário de mercado para carne de aves e ovos é delicado, de acordo com a associação, e enfrenta um movimento de aumento fora do normal de 99% no preço do milho e de 110% de aumento no preço do farelo de soja nos últimos 12 meses.

As exportações de ovos não seguem mesmo caminho da carne de frango e registram queda de -48,7% neste período apurado de 2020 comparado com o mesmo período do ano anterior, ou seja, 1.194 toneladas exportadas esse ano contra 2.328 toneladas de ovos exportadas no mesmo período de 2019, seguido por queda na receita cambial de -20,8%.

Fonte: Avicultura Industrial

Click na Home e escolha o idioma para sua leitura….
https://bomdiasc.com.br
@bomdiasantacatarina

Compartilhe esta postagem

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Notícias Relacionadas

Faça uma pesquisa​​

Ultimas notícias