Oferta restrita de animais e exportações em alta dão suporte aos patamares elevados/Foto: Internet
Oferta restrita de animais e exportações em alta dão suporte aos patamares elevados/Foto: Internet

Média de preço da carne no atacado em agosto só perdeu para o recorde de dezembro passado

Oferta restrita de animais e exportações em alta dão suporte aos patamares elevados da @, mas novo teto vai ser determinado pela demanda interna (consumidor doméstico)

As cotações da carne bovina no atacado registraram novas altas nos últimos dias diante das recentes valorizações da arroba do boi gordo. No entanto, a média de preços da carne ainda não ultrapassou os valores observados em dezembro do ano anterior, quando atingiu o patamar de R$ 15,84/kg.

De acordo com o Pesquisador do Cepea, Thiago Bernardino de Carvalho, os preços da arroba estão sinalizando patamares mais elevados dos últimos cinco anos. “Isso é reflexo das exportações aquecidas e oferta restrita de animais, mas a cotação da arroba bateu recorde nominal e deflacionada na última semana”, afirma.

As exportações de carne bovina in natura no mês de agosto registraram o terceiro melhor mês da série histórica. “Nós temos patamares recordes de volume exportado com a demanda chinesa levando boa parte da produção. Por outro lado, o preço médio pagos em dólar por toneladas era de US$ 4.900 mil em janeiro e passou para US$ 4.008 mil em agosto”, destaca.

Os frigoríficos tem o mercado internacional como uma válvula de escape quando o consumo interno recua e conseguem alcançar uma rentabilidade maior, pois negociam em dólar. Já as indústrias que atendem ao mercado doméstico têm um desafio maior no momento negociar uma arroba mais elevada. “Vai depender muito da estratégia adotada para a empresa que não consegue exportar”, ressalta.

Fonte: Notícias Agrícolas

Compartilhe esta postagem

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Notícias Relacionadas

Faça uma pesquisa​​

Ultimas notícias