Por: Redação | 13/03/2018

A Escola Superior da Magistratura do Estado de Santa Catarina (Esmesc) promove, no próximo dia 16 de março, às 19h, a terceira edição do Colóquio de Verão, com a temática “Crise migratória e refugiados: causas e consequências em um cenário globalizado”.

A proposta do evento, que será realizado no Auditório da AMC/Esmesc, em Florianópolis, é promover a reflexão atinente a um dos problemas mais graves enfrentados em todo mundo, qual seja, o deslocamento de pessoas entre os países em busca de uma vida melhor. “Fome, guerras, ditaduras e desastres ambientais são algumas das causas da crise migratória. Compreendê-las e buscar soluções é fundamental para tentar minimizar suas consequências, dentre elas o aumento da intolerância e dos discursos que pregam o ódio entre os povos, territórios e religiões”, destaca o juiz Fernando de Castro Faria, diretor de extensões da Esmesc.

Europa e Estados Unidos, em especial, são destino para milhões de pessoas, o que tem gerado, no âmbito interno de tais regiões, a repulsa de alguns políticos e parcela da população que têm receio de que os migrantes possam, de algum modo, interferir no seu desenvolvimento econômico e social ou elevar as despesas públicas para o atendimento aos estrangeiros.

O Colóquio será mediado pelo o Juiz Fernando de Castro Faria e contará com os seguintes convidados: professor Arno Dal Ri Junior, coordenador do Programa de pós-graduação em Direito da UFSC, Juliana Muller e Carolina Nunes Miranda Carasek da Rocha, mestrandas do programa de pós-graduação em Direito da UFSC.

Inscrições (gratuitas) e mais informações no site da Esmesc: www.esmesc.org.br

Fonte: Assessoria de Imprensa da Associação dos Magistrados Catarinenses