Agronegócios Bom Dia Rural Economia Educação Esporte Estado Geral Polícia Política Região Turismo
Santa Catarina - Tenha uma boa tarde, hoje é SÁBADO - 21 de Outubro de 2017 - Agora são
  BALNEÁRIO CAMBORIÚ
  BLUMENAU
  CAÇADOR
  CAMPOS NOVOS
  CAPINZAL
  CATANDUVAS
  CHAPECÓ
  CONCÓRDIA
  CURITIBANOS
  FLORIANÓPOLIS
  FRAIBURGO
  HERVAL D'OESTE
  IPIRA
  ITÁ
  JARAGUÁ DO SUL
  JOAÇABA
  JOINVILLE
  LAGES
  LUZERNA
  OURO
  PENHA
  PINHEIRO PRETO
  PIRATUBA
  RIO DO SUL
  TREZE TÍLIAS
  VIDEIRA
  XAXIM

LAGES
Queijo Artesanal Serrano está mais perto de obter a Indicação Geográfica
Bom Dia SC 02/08/2017 | Quarta-Feira
O processo para obtenção da Indicação Geográfica (IG) do Queijo Artesanal Serrano (QAS) entra em sua fase final nesta semana. Na sexta-feira, 4, haverá em Lages o Seminário de Indicação Geográfica, quando será entregue ao Instituto Nacional de da Propriedade Industrial (INPI) o dossiê que reúne toda a documentação, que vai embasar a avaliação da instituição sobre concessão ou não da Indicação. O evento ocorre no Orion Parque Tecnológico, a partir das 14h30.
        A Indicação Geográfica é uma forma de valorização do produto de uma região ou território, cuja procedência adquiriu notoriedade em decorrência do modo de fazer, das características ambientais locais e outros fatores. O champanhe é um exemplo clássico de IG. No caso do QAS, produtores e suas associações definiram por solicitar uma IG na modalidade de Denominação de Origem (DO). Caso seja concedida pelo INPI, essa será a primeira certificação desta natureza para queijos do Brasil.
        A entrega do dossiê aos representantes da INPI será feita pela Federação das Associações de Produtores de Queijo Artesanal Serrano de SC e RS (Faproqas), que é a instituição que demandou a obtenção da certificação. Todo o processo de solicitação da IG foi coordenado pela Epagri - através de sua Gerência Regional e Estação Experimental de Lages - e Emater Rio Grande do Sul. Participaram também produtores e suas entidades representativas, além de diversas instituições. O trabalho teve apoio financeiro e técnico do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).
        A região geográfica delimitada como produtora do QAS, denominada Campos de Cima da Serra, compreende 18 municípios da Serra Catarinense e 16 da região nordeste de altitude do RS, totalizando 34 mil quilômetros quadrados. São aproximadamente 3,5 mil pecuaristas familiares que produzem o queijo, utilizando somente leite da propriedade. Ele faz parte da tradição, da alimentação e da renda das famílias da região desde 1.700. É um pedaço da história que reúne características únicas, como o saber fazer que cruzou o Atlântico com os portugueses e que vem sendo transmitido de geração a geração por mais de dois séculos. Além disso, é produzido num território com características de solo e de clima que são únicas no Brasil, caracterizando-se como um produto terroir, sem possibilidades de ser produzido da mesma forma em outras regiões.
        "O QAS é a principal fonte de renda para milhares de agricultores locais. Mas produtores de outras regiões do Sul do Brasil, que não reúnem as características necessárias, têm denominando o seu produto com queijo serrano", explica Ulisses de Arruda Córdova, pesquisador da Estação Experimental da Epagri em Lages, justificando a necessidade de fortalecer a identidade do queijo que sai dos Campos de Cima da Serra.
        A Faproqas saiu em busca da IG com objetivos claros, entre eles aumentar o valor agregado ao produto. Eles esperam que a concessão da Indicação também estimule investimentos na área de produção, com valorização das propriedades, apoio ao turismo, elevação do padrão tecnológico e oferta de emprego. Criar vínculo de confiança com o consumidor, aumentar a competitividade no mercado e evitar a concorrência desleal também são metas a serem alcançadas com a certificação.
        Além destas e de outras vantagens técnicas e econômicas, a concessão da IG do queijo artesanal serrano vai dar uma contribuição inédita para a preservação de valores culturais e históricos dos moradores dos Campos de Cima da Serra.

Serviço
        O que: Seminário de Indicação Geográfica (IG) e entrega do dossiê final para solicitação da Indicação Geográfica do Queijo Artesanal Serrano;
        Quando: sexta-feira, 4 de agosto, a partir das 14h30;
        Onde: Orion Parque Tecnológico ;

Fonte: Epagri
0
Adicionar comentario neste notica  
 

Demais Notícias cadastradas para a cidade:
Região Serrana se une em torno do fomento do turismo

A noite desta sexta-feira (30) ficará marcada pelo lançamento de um projeto que começou no ano passado, localmente, e que neste ano se somou aos municípios de São Joaquim, Bom Jardim da Serra, Urubici e Urupema, com o propósito de evidenciar a região e todo o potencial nela existente. O...
Fonte: ASCOM Prefeitura Municipal de Lages
Postagem: Array | Segunda-Feira


Lages será palco do 1º Festival de Aromas e Sabores da Serra Catarinense

De 12 a 14 de agosto o clube Caça e Tiro em Lages, será palco do 1º Festival de Aromas e Sabores. O evento irá mostrar cervejas, cachaças artesanais, vinhos finos, queijos, doces e conservas em mais de 40 expositores. Serão três dias de evento e aprendizado em workshops, shows musicais, comida de...
Fonte: Assessoria de Imprensa
Postagem: Array | Quarta-Feira


Flor do Bem Querer vence a 17ª Sapecada da Serra Catarinense Lages - As composições "Moça", "Memoriais da Nossa Origem" e "Cocho de Sal" também voltarão na final da Sapecada da Canção Nativa, na terça-feira (13)
Depois de uma noite memorável, com intérpretes que cantavam com o...

Fonte: ASCOM Prefeitura Municipal de Lages
Postagem: Array | Segunda-Feira


Lages passa por uma situação difícil devido à chuva

O último registro de tanta chuva seguida de enchente, em Lages, nessas proporções de hoje, ocorreu em 2011. Outra enchente, porém, bem menor, aconteceu em 2014. A de agora está muito perto de se tornar uma das maiores dos últimos anos. A previsão de bastante chuva se confirmou, e começou na...
Fonte: ASCOM Prefeitura Municipal de Lages
Postagem: Array | Segunda-Feira


Escolhidas as composições que irão participar da 17ª Sapecada da Serra Catarinense

A noite de sexta-feira (14), no Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Barbicacho Colorado, foi de definição das 16 obras que irão disputar a décima sétima edição da Sapecada da Serra Catarinense. O Festival está programado para o dia 11 de junho, durante a 29ª Festa...
Fonte: ASCOM Prefeitura Municipal de Lages
Postagem: Array | Segunda-Feira




Clique para Voltar uma página
POSTAR COMENTÁRIO:

(0 / 350) caracteres
Obs.: O comentário postado passará por avaliação do moderador do site antes de ir para ao ar.

Painel de administração